Emenda ao decreto que susta Zona Azul no município é retirada de votação

por Assessoria de Comunicação publicado 10/12/2019 17h53, última modificação 10/12/2019 17h53
Ação Parlamentar - 43ª Sessão (10/12/2019)

Durante a sessão desta terça-feira (10), foi retirada da pauta a emenda Substitutiva nº 01/19 apresentada pelos vereadores Ita (Cidadania), Luciano Silva (DEM), Bruno Martins (DEM) e Pr. Dr. Luiz Carlos (PSL) ao Projeto de Decreto Legislativo nº 019/19, do vereador Zelão (PT) que susta a Zona Azul no município.

Segundo o vereador Bruno Martins, líder do governo no Legislativo, “essa emenda substitutiva era para ter sido votada junto com o decreto na semana passada, então ela perdeu o objeto e o prefeito fará o decreto pelo Executivo. Então a emenda não tem mais valor e está sendo retirada”.

Na ocasião, Zelão, autor do decreto, questionou o fato do mesmo ainda não ter sido publicado no Jornal do Município. “Estou achando muito estranho, pois, nós aprovamos com unanimidade o decreto nesta Casa e parece que nada aconteceu, que este decreto simplesmente não existe”, afirmou.

Outros parlamentares opinaram sobre a demora na publicação do decreto por parte do Executivo e o presidente da Câmara, vereador Lilo (MDB) afirmou que “a parte que nos cabe nesta Casa de Leis foi realizada, nós protocolamos o decreto e agora cabe ao prefeito publicar no jornal do município. O legislativo fez a sua parte, cabe agora ação do Executivo”.